Tuesday, November 29, 2022

Caminhando no Planeta C

Vejam Só Estas Fotografias!

19 de Abril de 2012


Falando com as pessoas antes do concerto

O lendário empresário de TV, Dick Clark, faleceu ontem à noite no décimo sexto aniversário da morte do Bernard Edwards. É ele que diz o nome do Bernard em primeiro lugar no vídeo de lançamento dos CHIC no American Bandstand. Trabalhámos várias vezes para o Dick Clark depois disso, e ele ajudou-nos muito na nossa promoção junto do grande público Americano.

Ontem à noite, enquanto era divulgada a notícia sobre o Dick, os CHIC estavam a tocar em Tóquio. Devo dizer, com humildade, que deitámos a casa abaixo. Sinto-me completamente envigorado ao tocar esta música de que o Dick e o Bernard tanto gostavam.

Os CHIC têm muitas segundas casas por todo o mundo e em Tóquio, que é a maior cidade do mundo, parece que nos adoptaram completamente. Vejam Só Estas Fotografias!

 


Vídeo de lançamento dos CHIC no programa American Bandstand

 


E arrancamos!


O Dick Clark apresentando o American Bandstand


Segurando o disco a solo do Nard trazido por um dos fãs


A Folami cantando "Like A Virgin" com o público


Implorando à Kim para fazer uma cadência a meio de "We Are Family" com o público


O Rich e eu num dueto em "Everybody Dance"


Abertura do concerto com os CHIC caminhando pelo meio do público e tocando "Hanging"


Nova t-shirt Japonesa Nile Rodgers


Obriguei alguns Japoneses tímidos a dançar "Le Freak" no palco connosco


De repente, um tipo começou a cantar

 


Add a comment Add a comment

Comments

Category: Caminhando no Planeta C

O Espectáculo Tem Que Continuar

18 de Abril de 2012


A vista a partir da minha cama em Tóquio

Esta noite estava deitado na cama aqui em Tóquio, no Japão, ainda acordado à mesma hora em que o Bernard faleceu em Abril de 1996. É uma honra para mim que o nosso primeiro concerto no Japão este ano seja no mesmo dia. O Bernard e eu costumávamos sempre dizer "O Espectáculo Tem Que Continuar", e esta é uma filosofia na qual ainda hoje acredito.

No ano passado, por esta altura, dei o meu primeiro concerto depois de ter sido submetido a uma cirurgia radical ao cancro/câncer da próstata. Os médicos não tinham a certeza se iria sobreviver, mas todos trabalharam com afinco, física, mental e espiritualmente.

Passou um ano e estou muito melhor. Na realidade, sinto-me tão bem que é difícil de acreditar. É quase como se tivesse uma vida nova. Estou a compor um musical que, por coincidência, tem uma canção que é uma metáfora da minha própria situação. Chama-se "Start Again" (Começar de Novo).

Quando fui operado, o cancro/câncer era tão agressivo que acreditei estar a olhar a Morte olhos nos olhos. Talvez a Dona Morte tenha olhado também e dito, "O Espectáculo Tem Que Continuar".

 


18 de Abril de 2011 - Eu segurando uma fotografia que uma fã tinha trazido em honra do Bernard


Eu no dia da minha cirurgia


Eu há apenas alguns dias vestido com uma t-shirt original dos CHIC de 1980. Enquanto estiver vivo, O Espectáculo Tem Que Continuar!


Pauta principal de "Start Again" para a leitura do concerto do Festival de Shakespeare de Alabama


Nile e Nard no Budokan em Abril de 96 - O último concerto do Bernard


Talvez a Dona Morte tenha olhado também e dito, "O Espectáculo Tem Que Continuar"

 


Add a comment Add a comment

Comments + Playlist

Category: Caminhando no Planeta C

O The Blue Note em Tóquio

17 de April de 2012


Nile Rodgers & CHIC no The Blue Note em Tóquio

Ontem iniciei a minha viagem até ao outro lado do mundo, entre Nova Iorque e o Japão. Nas 14 horas que passei no ar, a equipa do Adam Lambert lançou extractos áudio de canções do próximo álbum dele, incluindo a faixa em que eu e o Sam Sparro participamos, "Shady". A reacção foi fantástica. Esperem até ouvir tudo!

Agora vou descansar um pouco, mas amanhã volto a contactar-vos no blogue, enquanto me preparo para a minha semana de concertos no The Blue Note em Tóquio.

 


Nos últimos anos, temos levado a cabo um concurso de atribuição de uma guitarra que é divertido e funky


Tocar no The Blue Note em Tóquio tornou-se uma tradição


Estou ansioso por ver muitos amigos

 


Add a comment Add a comment

Comments + Playlist

Category: Caminhando no Planeta C

Simon Le Bon dos Duran Duran

16 de Abril de 2012


Se estiver a ler isto, é bem provável que eu esteja em viagem para o Japão

Se estiver a ler isto, é bem provável que eu esteja em viagem para o Japão. Esta é a minha época favorita do ano lá. Em quase todo o lado para onde se olhe, podem ver-se flores de cerejeira. Esta viagem anual tornou-se numa espécie de tradição para nós, assim como tocar no Blue Note em Tóquio. Adoramos tocar lá porque temos a oportunidade de experimentar música diferente no ambiente íntimo deste clube. Nos últimos anos, temos levado a cabo um concurso de atribuição de uma guitarra assinada que é muito divertido e funky.

Estou ansioso por ver os meus muitos amigos, assim como familiares (a mãe do meu afilhado mora em Okinawa), e o staff profissional do Blue Note de Tóquio, que também faz parte da minha família alargada. Falando de família alargada, enquanto lá estiver, acho que vou ter a oportunidade de ver o ex-vocalista dos Power Station Michael Des Barres e o Simon Le Bon dos Duran Duran.

 


Em quase todo o lado para onde se olhe, podem ver-se flores de cerejeira


Nos últimos anos, temos levado a cabo um concurso de atribuição de uma guitarra assinada que é muito divertido e


Um anúncio impresso japonês para cassetes áudio (lembram-se delas?). As minhas viagens ao Japão datam dessa altura


Tocar no Blue Note em Tóquio tornou-se uma tradição


Estou ansioso por ver muitos amigos


O staff profissional do Blue Note em Tóquio com a minha querida amiga Angelique Kidjo, quem também os adora!


Nos bons velhos tempos com o Michael Des Barres


Nos bons velhos tempos com o Simon Le Bon

 


Add a comment Add a comment

Comments + Playlist

Category: Caminhando no Planeta C

Rotuladas Com Orgulho #GuitarPorn

15 de Abril de 2012


Gibson SG de 1980 assinada por todos os membros dos AC/DC e o Arnold Schwarzenegger - Tentem perceber isso!

Ontem, enquanto a ténue luz da manhã brilhava através da minha janela, peguei numa das minhas guitarras que não costumo tocar. Assim que comecei a tocá-la, reparei como a sensação era boa, mesmo com velhas cordas enferrujadas. Liguei a luz e reparei porque é que não a toco muito. É uma das guitarras que foi assinada por muitos artistas para comemorar um evento. Faço com que os artistas assinem as minhas guitarras, sempre que participo num evento único.

Algumas pessoas não gostam de guitarras assinadas, mas eu acho-as lindas. Não só pelo seu aspecto, mas por causa dos momentos e pessoas que representam. Para mim, todas estas guitarras são suficientemente sexy para serem Rotuladas Com Orgulho #GuitarPorn.

 


Uma Rickenbacker de 12 cordas assinada pelo Sting, Lenny Kravitz e outros depois de a ter tocado num tributo aos Beatles


Uma Tokai Strat assinada pelo Herbie Hancock, Angelique Kidjo, John McLaughlin, Wayne Shorter, Carlos Santana e Ravi Coltrane


Uma Fender Telecaster assinada pelo Steven Tyler e Joe Perry dos Aerosmith quando tocámos juntos para uma transmissão dos Grammy


Primeiro plano da Telecaster dos Grammy


Estas são mesmo as assinaturas do Telmo (Elmo), Poupas (Garibaldo) e Óscar o Rabujento, assim como muitas de muitos outros bonecos de animação e marionetas


Primeiro plano da guitarra dos bonecos


Uma das minhas super raras Fender Custom Shop Hitmaker Strats - assinada pelo Steve Winwood, Stevie Nicks, Kid Rock, Robert Plant e muitos outros


Primeiro plano da Custom Shop Hitmaker


Gibson LP Junior assinada pelo Bruce Springsteen e por todos da E Street Band


Guitarra de reserva do concerto Rainforest assinada por todos os artistas principais


Primeiro plano das assinaturas da Rainforest de Debbie Harry, Mary J. Blige, Lady Gaga

 


Add a comment Add a comment

Comments + Playlist

Category: Caminhando no Planeta C

Para Mencionar Apenas Alguns

14 de Abril de 2012


Aqui estão alguns dos meus Discos de Ouro e Platina e galardões

Não faço o que faço por causa de galardões ou elogios. Faço o que faço porque não consigo evitar fazê-lo. Sinto-me completamente compelido a criar música porque isso é um dos traços principais que me definem como ser humano. Galardões e elogios são simplesmente benefícios marginais, o resultado de ter feito um bom trabalho. Adoro o trabalho que faço e adoro as pessoas com quem trabalhei.

Ontem, enviaram-me um artigo da prestigiada revista NME, onde se listavam Os 50 Maiores Produtores de Sempre (segundo eles). É bom fazer parte da lista e é simpático da parte deles acharem que sou suficientemente bom para estar nos 5 primeiros lugares. À medida que fui lendo a lista de discos que eles referiram no artigo, dei comigo a pensar na sorte que tenho por ter tocado com tantos artistas fantásticos.

Posso ser produtor e compositor, mas também sou guitarrista. Toquei com centenas de artistas numa ampla gama de disciplinas: Nina Simone, Phoebe Snow, Billy Joel, Beyoncé, Bruce Springsteen, Bruno Mars, Adam Levine, Adam Lambert, Herbie Hancock, Bonnie Raitt, Wayne Shorter, The Stray Cats, John McLaughlin, Marcus Miller, David Lee Roth, Carlos Santana, Lenny Kravitz, Stevie Wonder, Lionel Ritchie, Big and Rich, Idina Menzel, Elvis Costello, Beavis and Butthead, Big Bird and Barney, Hall and Oates, e Meryl Streep, Para Mencionar Apenas Alguns.

 


 


Add a comment Add a comment

Comments + Playlist

Category: Caminhando no Planeta C

A Canção "Shady" do Adam Lambert

Sexta-feira 13, 2012


Trabalhando uma composição no estúdio

No decurso normal de um dia na minha vida, faço muitas coisas e, ontem, não foi excepção. Trabalhei no estúdio na minha própria composição musical e produção. Organizei listas de artistas e alinhamento do concerto para o Festival de Jazz de Montreux, a 13 de Julho, a noite em que vou actuar e pela qual sou responsável. Também fiz duas chamadas de conferência e uma entrevista para a revista Rolling Stone, sobre a canção "Shady" do Adam Lambert. Toquei nessa canção há alguns meses.

O jornalista queria saber como foi trabalhar com o Adam. Expliquei-lhe que trabalhar com o Adam foi um misto de conforto e desespero ao mesmo tempo. "Desespero?", perguntou ele. "De que maneira?" Respondi, "Tivemos apenas algumas horas para trabalhar devido às nossas agendas". Eu ia viajar no dia seguinte e o Adam também. O tempo era o nosso inimigo, mas dado que não tínhamos outra alternativa, reservámos o estúdio Avatar e fomos para lá fazer o que tinha que ser feito.

O Adam foi profissional e estava concentrado, mas também me deixou interpretar a canção à minha maneira. Depois de ter tocado o que queria, colaboramos em mais algumas ideias. Depois, estive apenas a tocar e improvisar na Canção "Shady" do Adam Lambert.

 


O director do FJM, Claude Nobs, mostrando-me uma fotografia minha num livro de mesa sobre o Festival de Jazz de Montreux


A Revista Rolling Stone


Eu tocando "Shady" com o Adam Lambert


O trabalho com o Adam foi um misto de conforto e desespero ao mesmo tempo


O Adam foi profissional e estava concentrado, mas também me deixou interpretar a canção à minha maneira


Depois de ter tocado o que queria, colaboramos em mais algumas ideias


Depois, estive apenas a tocar e improvisar na Canção "Shady" do Adam Lambert

 


Add a comment Add a comment

Comments

Category: Caminhando no Planeta C

Todas as Emoções

12 de Abril de 2012


Eu e o Nard em Abril de '96 no Budokan - O Último Concerto do Bernard

Na próxima semana vou ao Japão. Vou actuar no Blue Note em Tóquio. Vou sempre ao Japão em Abril para homenagear o meu sócio Bernard Edwards que faleceu lá. Demos o nosso último concerto juntos em Abril de 1996, em Tóquio.

O documentário seguinte inclui a última filmagem do Bernard, horas antes da sua morte. O documentário começa com a canção de Lennon/McCartney "Let It Be", que foi a última colaboração deles, e é simbólica da minha colaboração final com o Bernard.

Há dezoito meses fui atacado por um tipo muito agressivo de cancro/câncer - isso fez com que olhasse de novo para a minha vida - e para a vida do meu antigo sócio. Quando estava a escrever isto, tive dois momentos de déjà vu.

Ontem à noite, tive um sonho intenso com o Bernard, e achei que devia voltar a publicar este documentário. Trata-se de um especial de TV produzido pela Br@in para o canal WOWOW, sobre a minha vida e a morte do Bernard no Japão. Vejam, por favor. Está em Japonês e Inglês. Poderão não entender Todas as Palavras, mas compreenderão Todas as Emoções.

 


WOWOW TV JAPAN
Documentário: Nile Rodgers
Duração: 43:45
Formato: NTSC 16:9

 


Este jornalista entrevistou-me e ao Bernard no dia antes da sua morte


Os Yoshida Brothers (virtuosos de Shamisen) e eu no ano passado


Eu e a Estrela de Pop / Actriz Vocal Aya Hirano nos bastidores do Blue Note em Tóquio


CHIC Ao Vivo na TV Japonesa Sukkiri em Abril do ano passado


Em honra da morte do meu antigo sócio Bernard Edwards em Tóquio, em Abril do ano passado

 


Add a comment Add a comment

Comments + VIDEO

Category: Caminhando no Planeta C

Vou Mostrar-vos o que Aconteceu

11 de Abril de 2012


Eu e o actor extraordinário Delroy Lindo que esteve presente

Ontem à noite dei uma Master Class para o Songwriters Hall Of Fame. Foi fantástico. Teve lugar na Universidade de Nova Iorque e a casa estava cheia. As pessoas foram maravilhosas. Autografei livros e tirei fotografias pela noite dentro.

Perdi o comboio/trem, mas não queria falhar o prazo de publicação do meu blog às 04:50 EDT. Não tive tempo suficiente para escrever um artigo aprofundado, mas tenho aqui uma mão cheia de fotos e Vou Mostrar-vos o que Aconteceu.

 


O início da Master Class


A Série de Sessões Master do Songwriters Hall of Fame


Tocando na Master Session


O compositor residente da NYU, Phil Galdston, e eu demonstrando o significado da letra da canção "Im Coming Out" da Diana Ross


O anfitrião da Sessão Master, Phil Galdston, e eu ponderando um conceito de composição


Foto com um membro da assistência


Foto com um membro da assistência


Foto com um membro da assistência


Foto com um membro da assistência


Foto com um membro da assistência


Pessoas no hall de entrada para a sessão de autógrafos


Eu e o Phil agradecendo ao público


Explicando o DHM (Deep Hidden Meaning [duplo sentido profundo]) das canções

 


Add a comment Add a comment

Comments + Playlist

Category: Caminhando no Planeta C

As Melhores Pessoas, Lugares e Coisas na Minha Vida

10 de Abril de 2012


Eu no quintal do Le Crib numa t-shirt Original CHIC '80 Grand Tour - foi-me oferecida por um meu antigo roadie, Bruce Levine

Tenho tido algumas surpresas nestes últimos dias. É difícil explicar o quanto estas coisas significam para mim - mas vou tentar. É como descobrir, ao mesmo tempo, um familiar há muito perdido e um tesouro que estava enterrado. Como algo que se conhece, mas que também parece completamente novo. Sou francamente grato por estas maravilhosas ofertas. Têm um valor incalculável para mim.

Quem o feio ama, bonito lhe parece, e o valor de uma peça é aquele que o comprador está disposto a pagar. Não sei bem quanto estaria disposto a pagar se tivesse encontrado estas prendas numa loja, mas foram-me oferecidas por antigos empregados meus. Nos EUA temos uma expressão que diz, "As melhores coisas da vida são gratuitas". Estas pequenas e simples ofertas fazem-me lembrar algumas das Melhores Pessoas, Lugares e Coisas na Minha Vida.

 


O meu ex-roadie, Stephen Powers, deu-me um blusão/uma jaqueta da digressão dos CHIC de 1979. Ainda me serve


O Bernard e eu no aeroporto com ar de polícias dos filmes tipo Blaxploitation - INESTIMÁVEL!


Eu e a Luci Martin em palco


Este é um bilhete da Feira Estadual de 1979 do Iowa para um concerto dos CHIC. Vejam bem o preço do bilhete


Algumas das minhas pautas originais que o Bruce Levine me trouxe de volta


Uma imagem do '79 UK Tour Book que o Bruce me deu


A capa de um '79 UK Tour Book


Imagem de um '79 UK Tour Book que o meu ex-roadie Bruce me deu


"As melhores coisas da vida são gratuitas" - o Bruce deu-me esta t-shirt CHIC com mais de 30 anos na semana passada

 


Add a comment Add a comment

Comments + Playlist

Category: Caminhando no Planeta C

Page 16 of 35